20 de abril de 2015

5 motivos para ler Kongoh Bancho, O mangá com mais índices de testosterona já criado.

Se você curte muita porrada e destruição no estilo dos filmes de brucutus, você vai curtir esse mangá.

1- O personagem
  O personagem principal do mangá se chama Akira Kongou, bom... ele é um pouco diferente dos outros rapazes de sua escola, Akira é extremamente alto e super musculoso (duvido alguém fazer bullying com ele), um tipico monstro de causar inveja até no Leo Stronda.

  Apesar de não ser um personagem no estilo Delinquente porradeiro alá Yusuke, Akira é extremamente poderoso e brucutu... aquele cara que pra salvar um gatinho da arvore derruba uma floresta inteira.

2- Fator Massa Véio

  Eu queria muito ver uma adaptação em anime desse mangá, só para ver essas cenas que extrapolam o limite do absurdo, já no primeiro capitulo Akira invade a base da Yakuza pela frente... Ele bateu na porta? não! ele invadiu derrubando o muro e as paredes com um carro nas costas, tem algo mais badass que isso? esse clima de força extrema o tempo todo é a graça do mangá.

3- A historia é muito mais do que só porrada o tempo todo.
  
  Quando parei para ler esse mangá, achava que era só um roteiro insano e cheio de porradas, bom... realmente é um roteiro insano e cheio de porradas, mais nenhum soco é gratuito, e isso fica claro logo no começo do mangá, Akira é um personagem bem complexo apesar de resolver as coisas na base da porrada.


4- Já é uma serie concluída.
  Sabe quando você começa a ler um mangá muito bom, e tem que esperar uma semana ou mais para ler o próximo capitulo? Kongoh Bancho já terminou, possui apenas 12 volumes com 110 capítulos ao todo.

  O mangá foi criado por Nakaba Suzuki, que atualmente faz o mangá Nanatsu no Taizai, que já até possui uma adaptação em anime.

5 - Bom, apenas veja as imagens abaixo...

Nenhum comentário :

Postar um comentário