21 de junho de 2024

Os 10 melhores mangás de vôlei

Haikyuu!! de Haruichi Furudate

    Enquete realizada pelo site japonês Ranking pediu para seus leitores classificarem com notas os mangás de Voleibol.  Confira abaixo os 10 mangás melhor avaliados em ordem, junto com suas informações e respectivas sinopses.

10° - Attack!!

Attack!! de Tsukasa Ooshima

  Attack!! é um mangá seinen do mangaká Tsukasa Ooshima publicado na revista Comic Bunch de 2006 até 2010 e completo em 11 volumes.

  Harutaka Kato é um aluno do 1º ano do colégio Kakegawa com uma habilidade extraordinária de pular. Depois de ver sua habilidade, Maiko, a gerente do clube de vôlei, insistiu para que ele se juntasse ao time. Finalmente, nosso protagonista foi persuadido a entrar no clube. Porém, o clube de vôlei possui outra estrela, Yuta Kaneko!

9°- Crimson Hero

Crimson Hero de Takanashi Mitsuba
  Crimson Hero é um mangá shoujo escrito e ilustrado por Takanashi Mitsuba.  Publicado na revista Bessatsu Margaret de 2002 até 2011 e completo em 20 volumes encadernados.

  Tudo o que importa para Nobara Sumiyoshi, de 15 anos, é o vôlei. Ela é uma jogadora incrível com grandes ambições. Mas às vezes parece que uma garota simplesmente não consegue uma folga no mundo competitivo do vôlei do ensino médio.

Crimson Hero de Takanashi Mitsuba

20 de junho de 2024

Mangaká da Favela | Novo mangá japonês ambientado no Brasil

Favela no Mangaka (Mangaká da Favela) de ouhachi Hagimoto e Minoru Taruro.



  Ambientado no Brasil, Favela no Mangaka (Mangaká da Favela) é o novo mangá de Souhachi Hagimoto (Asper Kanojo) e Minoru Taruro. A obra é serializada na Comic Howl Web, plataforma digital da editora Ichijnsha.  O primeiro capítulo é gratuito para leitura online, mas ainda sem tradução, confira.

Favela no Mangaka (Mangaká da Favela) de ouhachi Hagimoto e Minoru Taruro.
   A história é um drama sobre um mangaká fracassado do Japão que faz uma viagem de coração partido ao Brasil, onde acidentalmente acaba em uma favela. Em meio à violência nas ruas ele encontra um garoto brasileiro determinado que também sonha em se tornar um mangaká! Será este o momento para estes dois oprimidos almejarem os seus sonhos?

Favela no Mangaka (Mangaká da Favela) de ouhachi Hagimoto e Minoru Taruro.


Veja Também:

15 de junho de 2024

Os 10 melhores mangás de jogo de sobrevivência

Battle Royale de Koushun Takami e Masayuki Taguchi
  Desde batalhas sanguinolentas até as intrincadas armadilhas mentais, nesses mangás de jogos mortais apenas os vencedores podem sobreviver ao final.  Explorando a natureza humana em seu estado mais puro e desesperador,   confira nessa postagem as melhores indicações de mangás de jogos de sobrevivência.

Ousama Game

Ousama Game de Nobuki Kanazawa
  Ousama Game é um mangá seinen de horror psicológico escrito por Nobuaki Kanazawa e desenhado por Renda Hitori.  Publicado originalmente no Japão entre 2010 e 2012 e completo em 5 volumes encadernados.  No Brasil foi publicado pela Editora JBC com o titulo Jogo do Rei.

Ousama Game de Nobuki Kanazawa

 
  Na história acompanhamos um grupo de estudantes do ensino médio que são forçados a participar de um jogo mortal conhecido como "Ousama Game" ou "Jogo do Rei". Neste jogo, os participantes recebem ordens através de mensagens de texto enviadas por um autor misterioso chamado de Ousama (rei), e aqueles que não as cumprem são punidos com consequências horríveis...

10 de junho de 2024

Resumo completo do mangá Shurato

Tenkuu Senki Shurato - 1988

    Pegando carona na popularidade de Cavaleiros do Zodíaco, o anime Shurato fez relativo sucesso no Brasil durante os anos noventa onde foi exibido na extinta Rede Manchete.  Mas muito pouco se sabe sobre seu mangá original publicado no Japão nos anos 80 e completo em apenas 2 volumes encadernados.  Confira abaixo nesse vídeo do canal Árthus N. um resumo completo da história do mangá Shurato e as suas diferenças com o anime.

Veja Também:

27 de maio de 2024

5 Mangás de terror de vampiros que você precisa conhecer

Voices In The Dark (Yami No Koe) - Junji Ito

    Os vampiros são criaturas lendárias que fazem parte do folclore de várias culturas ao redor do mundo.  Geralmente retratados como seres noturnos e sobrenaturais que se alimentam do sangue dos vivos para sustentar sua própria existência.  Na cultura pop os vampiiros são constantemente reimaginados em diferentes tipos de historias em diferentes mídias.

  Confira nessa postagem 5 mangás de terror realmente assustadores que trabalham o mito dos vampiros das mais diferentes abordagens.

# DRCL Midnight Children

#DRCL - Midnight Children de Shinichi Sakamoto
  #DRCL - Midnight Children do autor de Shinichi Sakamoto (criador de Innocent) é um mangá seinen de horror gótico histórico visualmente deslumbrante baseado no romance Drácula de Bram Stoker.  Publicado originalmente no Japão na revista Grand Jump da Shueisha desde 2020 e ainda em andamento com 4 volumes até o momento.

#DRCL - Midnight Children de Shinichi Sakamoto
  Em 1897, Bram Stoker lançou o seu livro Drácula,  o sucesso do conto gótico de terror e fantasia fez com que esse personagem fosse retratado em inúmeras adaptações, inspirações e homenagens ao longo dos anos e nos mais diversos formatos.  Agora essa história é adptada em mangá,  Shinichi Sakamoto  cria uma versão única e muito convincente do romance original com uma arte arte detalhada e incrivelmente atmosféricas do século 19.

  A história começa a bordo de um embarcação russa levando a bordo estranhos caixotes cheios de terra e flores.  Porém, um bizarro incidente acontece e o navio à deriva acaba encalhando na costa na inglaterra.  No cemitério da cidade, quatro estudantes de um prestigiado internato para meninos testemunham um dos rapazes ser capturado por uma criatura sombria! Apenas Mina Murray, a única garota do internato, tem coragem de ajudá-lo, mas pode ser tarde demais...

#DRCL - Midnight Children de Shinichi Sakamoto
  Nos EUA o mangá foi indicado ao prestigiado prêmio Will Eisner Comic Award 2024 na categoria 'Melhor Adaptação de Outro Meio'.  Vamos torcer para que #DRCL - Midnight Children não demore muito para ser publicado no Brasil.

26 de maio de 2024

5 Mangás survival horror que você precisa ler

The Drifting Classroom (Hyoryu Kyoshitsu) de Kazuo Umezu

  Nos games temos o gênero survival horror que combina elementos de jogos de ação e horror,  e temos como objetivo sobreviver as situações mais adversas.  Um dos elementos mais importantes nesses games é proporcionar uma certa quantidade de adrenalina sobre o jogador, mas também providenciar uma sensação de conquista que é alcançada derrotando as criaturas e superando a tensão e o medo.

  Nessa postagem você confere algumas indicações mangás de terror clássicos nessa pegada.  Muitos mangás dessa lista serão publicados no Brasil em 2024, confira os detalhes.

The Drifting Classroom

The Drifting Classroom (Hyoryu Kyoshitsu) de Kazuo Umezu

  O mangaká Kazuo Umezu é o grande pioneiro do gênero terror nos mangás, tendo influenciado tuda uma leva de mangakás de terror que vieram depois.  O mangá The Drifting Classroom (Hyoryu Kyoshitsu) é sua obra de maior sucesso, foi publicado originalmente no Japão entre 1972 e 1974 na revista Weekly Shounen Sunday e completo em 11 volumes encadernados.

  Na trama após um terremoto uma escola desaparece misteriosamente com seus alunos e funcionários dentro,  deixando no local apenas uma enorme cratera.  Acontece que esssa escola foi transportada para outro lugar, todos dentro dela sem entender o que aconteceu ao olhar pelas janelas se depararam apenas com um deserto sombrio e sem fim ao redor.

The Drifting Classroom (Hyoryu Kyoshitsu) de Kazuo Umezu


  O sentimento de desespero toma conta desespero toma conta de todos presos na escola,  a situação piora quando os adultos percebem que naquela situação eles não possuem recursos como água e comida suficientes no local para todo mundo.  O nosso  protagonista Sho Takamatsu é um problemático aluno da sexta série precisará se adaptar rapidamente a essa nova realidade distópica se quiser sobreviver.

  Esse clássico dos mangás de terror será publicado no Brasil em 2024 pela editora Devir, com o titulo Sala de aula à deriva  e completo em 6 volumes.